Pesquisar
Agenda
julho 2017
S T Q Q S S D
« jun    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
Arquivos

Arquivos da categoria ‘Parlendas’

-O Papagaio come milho.
periquito leva a fama.
Cantam uns e choram outros
Triste sina de quem ama.

-Um, dois, feijão com arroz,
Três, quatro, feijão no prato,
Cinco, seis, falar inglês,
Sete, oito, comer biscoito,
Nove, dez, comer pastéis.

-Eu sou pequena,
Da perna grossa,
Vestido curto,
Papai não gosta

-Por detrás daquele morro,
Passa boi, passa boiada,
Também passa moreninha,
De cabelo cacheado

-Tropeiro fala de burro,
Vaqueiro fala de boi,
Jovem fala de namorada,
Velho fala que foi.

-Era uma bruxa
À meia-noite
Em um castelo mal-assombrado
com uma faca na mão
Passando manteiga no pão

-A sempre-viva quando nasce,
toma conta do jardim
Eu também quero arranjar
Quem tome conta de mim

-Batatinha quando nasce,
Se esparrama pelo chão,
Mamãezinha quando dorme,
Põe a mão no coração.

Palminha
Palma, palminha,
Palminha de Guiné
Pra quando papai vié,
Mamãe dá a papinha,
Vovó bate cipó,
Na bundinha do nenê.

– Homem com homem
Mulher com mulher
Faca sem ponta
Galinha sem pé

– Enganei um bobo
Na casca do ovo!

– Vá à …
Já fui e já voltei!
Burro que nem você nunca encontrei

– Zé Capilé!
Tira bicho do pé
Pra tomar com café!

– Aparecida! (ou Cida!)
Come casca de ferida
Amanhecida!

– Cala a boca!
Cala a boca já morrei
Quem manda em você sou eu!
– Coco pelado
Caiu no melado
Quebrou uma perna
Ficou aleijado

Uni, duni,tê
Uni, duni, tê,
Salamê, mingüê,
Um sorvete colorê,
O escolhido foi você!

O cochicho
Quem cochicha,
O rabo espicha,
Come pão
Com lagartixa

Rei Capitão
Rei, capitão,
Soldado, ladrão.
Moça bonita
Do meu coração

Fui à feira
Fui à feira comprar uva. Encontrei uma coruja,
Pisei no rabo dela.
Ela me chamou de cara suja

Os dedos
Dedo mindinho,
Seu vizinho,
Pai de todos,
Fura bolo,
Mata piolho..

– Batatinha quando nasce
se esparrama pelo chão.
Menininha quando dorme
põe a mão no coração.

– Chuva e sol, casamento
de espanhol.
Sol e chuva, casamento
de viúva.

Meio dia
Meio dia,
Panela no fogo,
Barriga vazia.
Macaco torrado,
Que vem da Bahia,
Fazendo careta,
Pra dona Sofia.

PAPAGAIO LOURO
Papagaio louro
Do bico dourado
Leva essa cartinha
Pro meu namorado
Se tiver dormindo
Bate na porta
Se tiver acordado
Deixe o recado.

O cemitério
No portão do cemitério,
Tério, tério, tério,
Duas almas se encontraram,
Traram, traram, traram.
Uma disse para a outra,
Outra, outra, outra,
Você é uma vagabunda,
Bunda, bunda, bunda,
Mas que falta de respeito,
Peito, peito, peito
Mas que peito cabeludo,
Ludo, ludo, ludo